Skip to main content

Flamengo tenta última cartada para manter jogo no Maracanã às vésperas da final da Libertadores

Flamengo não quer sair do Maracanã

O Flamengo considera as 12 rodadas restantes do Brasileirão como finais, visto que, em caso de uma não classificação para a próxima Libertadores da América, será um grande fracasso para o clube. Portanto, a diretoria rubro-negra travou uma queda de braço com a Conmebol para manter a partida contra o Bragantino no Maracanã, duelo marcado para o dia 28 ou 29 de outubro, poucos dias antes da final continental no Estádio.

Tite - flamengo
Tite – flamengo

No entanto, a Conmebol bateu o martelo e não deixa de fechar o estádio 20 dias antes da decisão para preservação do gramado. Para tentar convencer a entidade da liberação para o jogo, a diretoria do Flamengo pediu o apoio da CBF. Informações divulgadas inicialmente pelo UOL Esportes apontam que Rodolfo Landim entrou em contato com o mandatário da Confederação Brasileira de Futebol na esperança de conseguir a manutenção do confronto.

Publicidade

Com o apoio da CBF, que já encaminhou a solicitação a Conmebol, o Flamengo aguarda o desfecho da decisão para saber se poderá mandar o duelo contra o Bragantino no Maracanã. Enquanto isso, Tite faz os últimos ajustes para enfrentar o Cruzeiro nesta quinta-feira (19), pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro. A bola rola a partir das 19h00 (horário de Brasília), com transmissão para todo o Brasil através do Premiere.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade