Skip to main content

Jogadores ficaram perplexos com a confusão envolvendo Marcos Braz

Enquanto o vice-presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz, se envolvia em uma confusão com um torcedor em um shopping no Rio nesta terça-feira, o time rubro-negro estava a caminho de Goiânia. Por conta da falta de wi-fi no avião, os jogadores só ficaram sabendo do incidente depois que o avião aterrissou na capital goiana, […]

Enquanto o vice-presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz, se envolvia em uma confusão com um torcedor em um shopping no Rio nesta terça-feira, o time rubro-negro estava a caminho de Goiânia.

Por conta da falta de wi-fi no avião, os jogadores só ficaram sabendo do incidente depois que o avião aterrissou na capital goiana, pois não havia wi-fi durante o voo.

Publicidade

Assim que os atletas puderam acessar a internet novamente, no avião mesmo, eles ficaram agitados. O vídeo da agressão se espalhou rapidamente, e os jogadores ficaram chocados. Eles demoraram a entender o que estava acontecendo, enquanto olhavam atentamente para os aplicativos de mensagens e as redes sociais.

A confusão no shopping aconteceu às 17h, uma hora antes da chegada da delegação do Flamengo em Goiânia. O assunto foi o mais comentado entre o elenco no trajeto do aeroporto para o hotel e continuou sendo até a hora do jantar, às 20h.

O principal dirigente do clube em Goiânia é o diretor-executivo de futebol Bruno Spindel. Ele viajou com o restante da delegação, assim como os gerentes Fabinho e Juan. Na quarta-feira, o Flamengo vai jogar contra o Goiás, às 19h, na Serrinha, pela 24ª rodada do Brasileirão.

Deixe um comentário

Publicidade

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *